Google suspende geração de imagens de pessoas por IA após erros

A decisão veio após usuários do X postarem alguns exemplos do modelo que apresentavam imagens historicamente imprecisas em relação à raça das pessoas

Author Photo
3:30 pm - 22 de fevereiro de 2024
google, gemini

O Google, da Alphabet, anunciou que fará uma pausa na geração de imagens de pessoas para o Gemini, um modelo de inteligência artificial, após críticas sobre como estava lidando com questões de raça. 

“Já estamos trabalhando para resolver os problemas recentes com o recurso de geração de imagens do Gemini”, disse o Google em um post no X nesta quinta-feira. “Vamos pausar a geração de imagens de pessoas e lançaremos uma versão aprimorada em breve.” 

Leia mais: Google lança modelo de IA para impulsionar produtividade dos seus funcionários 

O problema ocorre em um momento em que o Google tem se concentrado cada vez mais na IA, depois que o avanço das concorrentes Microsoft e OpenAI se tornou uma potencial ameaça para o serviço de buscas na internet.  

Os avanços em IA na geração de imagens e vídeos têm levantado preocupação sobre o risco de deepfakes, desinformação e racismo. 

No início desta semana, o Google afirmou estar ciente de que o Gemini estava oferecendo o que chamou de “imprecisões em algumas representações históricas de geração de imagens”. 

A decisão veio após usuários do X postarem alguns exemplos do modelo que apresentavam imagens historicamente imprecisas em relação à raça das pessoas. 

O modelo de IA atualizado, chamado Gemini 1.5 Pro, foi lançado na semana passada para clientes de nuvem e desenvolvedores, para que possam testar seus novos recursos. 

*Com informações da Bloomberg 

Siga o IT Forum no LinkedIn e fique por dentro de todas as notícias! 

Tags:
Author Photo
Redação

A redação contempla textos de caráter informativo produzidos pela equipe de jornalistas do IT Forum.

Author Photo

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.