Notícias

AutomationEdge aposta em ‘biblioteca de bots’ com lançamento de marketplace

A AutomationEdge, fornecedora de soluções de automação e RPA, anunciou o lançamento do que chama de marketplace de bots. Chamada de Botshop, a plataforma pretende se tornar uma biblioteca pública de bots, compartilhando fluxos de automação.

Segundo a empresa, trata-se de um facilitador do processo de robotização, uma vez que permite criar um código para automatizar processos rotineiros, sem a necessidade da presença do desenvolvedor. Nativo em nuvem, a plataforma também tem arquitetura escalável.

“As automações, geralmente, são construídas para resolver problemas simples e usuais das áreas de negócio. Por exemplo, consultas a CNPJs, validação de IPVAs, conciliações bancárias, cadastros de funcionários em sites de benefícios, acesso de usuários, e-social fazem parte da rotina do RH, assim como muitos outros exemplos, e todas essas situações são compartilhadas por inúmeros departamentos financeiro”, explica Fernando Baldin, CEO da AutomationEdge Brasil.

Leia também: Fudadores da Kabum querem anulação da venda para Magalu e acusam Itaú de fraude

O lançamento do marketplace de bots reforça a estratégia da AutomationEdge iniciada em 2021 com a oferta de um software as a service de RPA. A empresa posiciona as duas iniciativas em meio à acelerada transformação digital e a demanda por talentos em TI. De forma geral, as ofertas permitem a qualquer companhia implementar e operar a automação sem a necessidade de infraestrutura ou a compra de licenças.

Segundo a AutomationEdge, os robôs são gratuitos. Para utilizá-los, é necessário conectá-los a entrada e saída de dados, conhecimento que pode ser adquirido na própria plataforma com o programa de treinamento da AutomationEdge, na versão Trial Free.

“Todo o processo é muito simples. Primeiro o cliente precisa ter uma conta na plataforma da AutomationEdge, algo que pode ser feito rapidamente pelo site, e ter o Process Studio instalado na máquina. Com isso pronto, basta acessar o site, escolher o robô e receber no e-mail um link com o arquivo psw, que ao ser importado já está pronto para uso”, finaliza Baldin.

Recent Posts

IA e abuso infantil: desafios tecnológicos para a proteção das crianças on-line

Um relatório da Universidade de Stanford alerta que o Centro Nacional de Crianças Desaparecidas e…

5 horas ago

Compass UOL reúne empresas adquiridas no AI/R Group

A Compass UOL, junto de suas empresas adquiridas nos últimos anos - Avenue Code, EdgyLabs,…

6 horas ago

Lideranças do Instituto Heineken, Petrobras e Basf discutem futuro sustentável no Distrito Itaqui

Nesta segunda-feira (22), em que se celebrou o Dia do Planeta, cerca de 30 executivos…

6 horas ago

EXCLUSIVO: AWS anuncia funcionalidades no Bedrock com foco em eficiência e diminuição de custo

A AWS tem como estratégia ser capaz de oferecer aos seus clientes opções de modelos…

7 horas ago

Sicoob Engecred investe em tecnologia e se torna cooperativa plena

Uma das maiores cooperativas do Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob), o Sicoob…

7 horas ago

Zendesk aumenta incorporação de GenAI no portfólio de experiência do cliente

A Zendesk anunciou na semana passada, durante evento nos EUA, uma série de lançamentos que…

9 horas ago