Empresas da América Latina investirão 25% do orçamento em IA

Estudo do IDC e da DocuSign revelou que 35% dos CIOs devem apostar em IA generativa como vantagem competitiva já em 2024

Author Photo
10:30 am - 11 de março de 2024
IA generativa na América Latina Imagem: Shutterstock

Até 2027, as principais empresas da América Latina deverão destinar 25% dos seus orçamentos de TI para iniciativas de inteligência artificial (IA). Já em 2024, 35% dos CIOs estão apostando em IA generativa, pois acham que isso trará vantagens competitivas e impulsionará a inovação nas organizações.

Os dados acima fazem parte de um estudo com CIOs da América Latina feito pelo IDC e patrocinado pela DocuSign. O estudo se chama Tendências TIC 2024: rumo a uma estratégia de TI consolidada para resiliência e investiga as tendências de tecnologia que devem impulsionar os negócios. Foram ouvidos CIOs das 5.000 maiores empresas da região.

Leia também: Claude 3: Anthropic afirma que nova versão supera líderes do mercado de IAGen

O estudo aponta, segundo o IDC, que as empresas latino-americanas devem se preparar para criar modelos de negócios mais resilientes e competitivos, com foco em IA generativa, segurança e conformidade, competitividade e negócios digitais, automação e ESG. Até 2028, 75% das organizações ouvidas preveem até 60% da receita virá de produtos ou serviços digitais, com 25% esperando até 90% dessa receita.

“Estamos enfrentando mudanças constantes no ambiente digital, o que reforça a necessidade de consolidação e modernização da infraestrutura de tecnologia para apoiar estratégias comerciais das empresas na região”, diz Norbert Otten, diretor de soluções da DocuSign LATAM. “Todo avanço impulsionado por essas mudanças deve estar associado a uma estratégia de segurança robusta, conformidade e governança de dados, bem como à resiliência operacional, apoiando o crescimento dos negócios nos países latino-americanos.”

Cultura de dados e outras tendências

Segundo o estudo, a visão dos CIOs da região aponta para o gerenciamento estratégico de dados e promoção de cultura Data-First. E o avanço do uso de GenAI colabora com esta perspectiva. No entanto, há desafios relativos de talentos, experiência, gestão de dados e compliance.

Alterações na legislação e segurança exigirão uma governança mais eficiente, alerta o IDC. Mudanças em normas de segurança (42%) e conformidade (38%) têm um grande impacto nos planos de investimento, segundo os especialistas.

Outra tendência forte de investimentos apontada pelos executivos é a sustentabilidade: 45% das empresas monitoram KPIs de capital social em tempo real, utilizando plataformas centralizadas de gestão de dados de ESG. Apesar disso, os investimentos em TI seguem sendo impulsionados principalmente pela busca por produtividade e por melhoria na experiência dos clientes, além de segurança e resiliência de infraestrutura.

O estudo pode ser lido na íntegra (em pdf) nesse endereço.

Siga o IT Forum no LinkedIn e fique por dentro de todas as notícias!

Author Photo
Redação

A redação contempla textos de caráter informativo produzidos pela equipe de jornalistas do IT Forum.

Author Photo

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.