5G alcança 10 milhões de acessos no Brasil, diz Conexis

Tecnologia 5G está em cerca de 150 municípios e supera velocidade de expansão do 4G, que levou 26 meses para chegar a 10,5 milhões de acessos

Author Photo
6:08 pm - 30 de junho de 2023
5g, antena Foto: Shutterstock

O 5G chegou a 10,1 milhões de acessos no Brasil em maio de 2023, 11 meses após o início da operação comercial no Brasil em 6 de julho de 2022. Os dados fazem parte de um levantamento divulgado na quinta (29) pela Conexis Brasil Digital, com base em informações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O levantamento mostra que o 5G está em cerca de 150 municípios, superando a velocidade das obrigações previstas na primeira fase do edital do leilão. O edital previa a instalação em todas as capitais até setembro de 2022 com cerca de uma antena para cada 100 mil habitantes.

A próxima obrigação do leilão determina a instalação da nova tecnologia em todas as cidades com mais de 500 mil habitantes até julho de 2025. Atualmente, todas essas cidades já têm 5G instalado por pelo menos uma das operadoras, diz a Conexis.

IT Forum Series: Redes privadas 5G e o desafio da maturidade

“Nós atingimos a marca de 10 milhões de usuários de 5G em 11 meses de operação da nova tecnologia. O 4G demorou 26 meses para alcançar essa marca. Isso mostra que pessoas estão mais ávidas e propensas a adotar a nova tecnologia do que estavam quando implantamos o 4G”, diz em comunicado o presidente-executivo da Conexis, Marcos Ferrari.

Desafio para a expansão do 5G

Segundo a associação de operadoras, as vantagens do 5G já são sensíveis principalmente pela velocidade mais alta de navegação para os usuários. Novas aplicações também devem surgir em breve, segundo a entidade, graças às mudanças proporcionadas pela nova geração de redes, incluindo menor latência e capacidade de manter número maior de dispositivos conectados. Mas há desafios.

“Os dados mostram que as empresas têm trabalhado para avançar a conectividade, mas seguimos alertando para a necessidade de as cidades atualizarem suas leis municipais de antenas, adequando-as à Lei Geral de Antenas, para permitir um licenciamento mais rápido e simplificado”, diz Ferrari.

Levantamento do Conecte 5G aponta que entre as 155 cidades com mais de 200 mil habitantes – incluindo as capitais – metade delas, 78, tem leis desfavoráveis ou não possuem legislação específica para a instalação de antenas; 53 têm leis de antenas favoráveis; e 24 têm legislação específica, mas que demanda ajustes para ter mais aderência à lei, segundo análise da entidade.

Siga o IT Forum no LinkedIn e fique por dentro de todas as notícias!

Tags:

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.