7 dicas imperdíveis de LinkedIn para profissionais de tecnologia

Saiba como usar o LinkedIn para encontrar vagas de emprego, criar uma rede de contatos e ser notado pelos recrutadores

Author Photo
9:00 am - 29 de maio de 2021

O LinkedIn é a maior rede social profissional do mundo, presente em mais de 200 países e com mais de 756 milhões de usuários, sendo quase 50 milhões deles só no Brasil. Apesar disso, muitos não conhecem as possibilidades que a plataforma oferece e acabam perdendo oportunidades de emprego e negócios ao deixar a rede de lado.

Para quem é da área de tecnologia, o LinkedIn pode abrir muitas portas, pois boa parte das empresas e recrutadores têm usado a rede para anunciar vagas e encontrar candidatos com o perfil adequado, privilegiando aqueles que sabem usar o LinkedIn a seu favor.

Leia também: Vagas em TI crescem 20% no primeiro trimestre de 2021

Como usar o LinkedIn para conseguir emprego e ter um bom networking? Listamos sete dicas imperdíveis para profissionais de TI que querem impulsionar a carreira e se destacar em um mercado que está em ampla expansão no país. Confira:

1) Tenha um perfil atrativo

Se você pretende causar uma boa impressão no LinkedIn, é fundamental ter um perfil atrativo, que mostre quem você é e o que está buscando na rede. Ter uma foto atual e em boa qualidade e preencher os campos do perfil com sua formação e experiências anteriores é o primeiro passo. Lembre-se de completar a seção “Sobre” com um pequeno texto de apresentação, resumindo suas principais habilidades e interesses.

Como ter um perfil campeão

O próprio LinkedIn incentiva os usuários a terem o chamado “perfil campeão”, isto é, uma página cujas informações básicas foram devidamente preenchidas. Um perfil campeão tem mais chances de aparecer em resultados de buscas no LinkedIn, por isso é importante dedicar um tempo ao preenchimento do seu perfil antes de começar a usar a plataforma de maneira estratégica.

2) Atenção para o título do perfil

Outro aspecto que merece atenção na hora de atualizar o perfil é o título, campo que sempre acompanha o nome do usuário e que ajuda a rede a reconhecer a área em que o profissional atua. O título pode ser preenchido automaticamente com seu cargo atual ou personalizado de acordo com seus objetivos.

Vamos supor que seu nome seja Mauro dos Santos e que você trabalhe como Cientista de Dados na empresa IT Mídia. A linha que virá logo abaixo do seu nome no perfil será “Cientista de Dados na IT Mídia”, a não ser que você opte por alterá-la.

Algumas pessoas preferem listar suas habilidades no título (ex:. Jornalista | Redatora | Roteirista) ou até preenchê-lo com alguma frase inspiradora, mas o ideal é destacar o seu cargo atual e/ou a área em que atua. Para os profissionais de TI, o título também pode conter o cargo em inglês (ex:. Cientista de Dados | Data Scientist).

Estou desempregado, o que coloco no título?

É comum encontrar usuários que estão no LinkedIn à procura de uma oportunidade de trabalho e que preenchem o título com termos como “desempregado” ou “em busca de recolocação”. No entanto, fazer isso pode atrapalhar — e muito — as chances de conseguir um novo emprego na plataforma.

Isso porque os recrutadores costumam utilizar palavras-chave quando buscam por usuários no LinkedIn, usando os nomes dos cargos e áreas para filtrar possíveis candidatos. Assim, uma pessoa que gostaria de ser contratada como UX Designer será encontrada com mais facilidade pelas empresas e por outros usuários se colocar o cargo em destaque no título ao invés de “procurando emprego”.

3) Mostre seus projetos

Mais do que um currículo online, o LinkedIn pode funcionar como uma espécie de portfólio para aqueles que desejam mostrar seus projetos e experiências práticas. Isso é especialmente útil quando se tem códigos hospedados em plataformas como o GitHub, já que as URLs podem ser agregadas à sua página. Prêmios, certificados, publicações e patentes também entram na lista de itens que fazem o seu perfil se destacar.

4) Conecte-se com pessoas da sua área

Já falamos sobre a importância de ter um título alinhado com suas expectativas de emprego, mas vale frisar também que o título ajuda muito na hora de criar conexões. Use as palavras-chave para encontrar profissionais que trabalham em áreas correlatas à sua, focando nos títulos que essas pessoas utilizam em seus perfis.

Se o seu cargo de interesse é na área de cibersegurança, por exemplo, é uma boa ideia estabelecer um networking com quem possui os termos “cibersegurança” ou “cybersecurity” em destaque. Outra dica é visitar as páginas das empresas de tecnologia e ver quem são as pessoas que trabalham lá. Tenha em mente que as chances de um usuário aceitar seu pedido de conexão são maiores se a solicitação vier acompanhada de uma mensagem.

Leia também: Dicas para fazer networking com profissionais de destaque

5) Siga as empresas que te interessam

Por falar em páginas corporativas, o LinkedIn é uma ótima plataforma para acompanhar os players do mercado de tecnologia. Ao seguir a página de uma empresa, você passa a receber atualizações de conteúdo no feed de notícias e fica sabendo de novidades, ações institucionais e oportunidades de trabalho.

Algumas páginas, como a do IT Forum, também publicam matérias sobre o mercado de TI e divulgam vagas em empresas de todo o Brasil, auxiliando quem está em busca de um emprego em tecnologia.

6) Crie alertas de vagas

Um dos motivos que tornam o LinkedIn um grande aliado na busca por oportunidades de trabalho é a área de “Vagas”, em que os usuários podem pesquisar com base em cargos, empresas, localização, entre outros critérios.

Ao realizar uma busca na seção de vagas do LinkedIn, uma das funcionalidades disponíveis é a criação de alertas para cargos e empresas específicas. Assim, é possível receber notificações recorrentes sobre novas oportunidades na área desejada (ex:. Infraestrutura de TI, Desenvolvimento de Software etc.) e ser o primeiro a saber quando suas empresas favoritas anunciam que estão contratando.

Candidatura simplificada pelo LinkedIn

Algumas empresas permitem que os usuários enviem suas candidaturas pela própria plataforma do LinkedIn, sem a necessidade de acessar sites externos. No processo de candidatura simplificada, basta fazer o upload do currículo uma única vez e confirmar as próximas candidaturas em poucos cliques.

Em determinados casos, as companhias podem solicitar informações adicionais, mas isso não costuma tomar muito tempo do candidato. Esta é mais uma vantagem do LinkedIn em relação aos modelos tradicionais de busca de emprego.

Leia também: 5 soft skills mais buscadas por empresas

7) Invista tempo em publicações

A última dica desta lista serve tanto para aqueles que querem encontrar um emprego quanto para os que gostariam de fortalecer seu marketing pessoal: separe um tempo do seu dia ou da sua semana para criar publicações em seu perfil do LinkedIn e interagir com os posts de suas conexões.

As postagens na rede são uma das maneiras mais eficazes de compartilhar seus interesses, aprendizados e opiniões acerca de temas que se relacionam às suas habilidades no trabalho. Os posts também criam oportunidades de se relacionar com seus contatos e se aproximar de pessoas que podem contribuir de alguma forma para a sua carreira.

Eu não sei o que publicar, e agora?

As dicas 4 e 5 irão te ajudar a ter um feed de notícias repleto de publicações inspiradoras, que podem ser compartilhadas pelo seu perfil caso você não saiba exatamente o que escrever. As matérias do IT Forum são um ótimo jeito de começar a movimentar as suas publicações, já que reúnem temas relevantes para toda a comunidade de profissionais de TI.

Lembre-se que quanto mais você mostrar que entende e gosta de um assunto, mais as pessoas da sua rede irão associá-lo a ele. Isso pode ser bastante positivo quando alguma dessas conexões tiver de fazer uma indicação a algum cargo na área pela qual você demonstrou entusiasmo em publicações anteriores.

Conclusão

O LinkedIn é a rede social ideal para os profissionais que querem se destacar no mercado e serem vistos por empresas e recrutadores. Embora o mercado de tecnologia esteja aquecido, é preciso ter um conjunto de habilidades que correspondam à expectativa de quem contrata. No LinkedIn, essas habilidades podem ser evidenciadas e usuários com um perfil campeão saem na frente na busca por oportunidades de emprego.

Gostou das dicas? Continue acompanhando o IT Forum no LinkedIn e no Instagram para saber mais sobre como alavancar sua carreira em tecnologia!

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.