Serviços de streaming desafiam estratégias de publicidade digital

Segundo estudo da Rakuten Viki, 81% dos brasileiros compram produtos ou serviços após verem anúncios no streaming

Author Photo
2:07 pm - 14 de abril de 2022

A medida que as plataformas de streaming de vídeo se tornaram para muitos o principal meio de consumo de conteúdo, a publicidade passou também a migrar suas estratégias para novos canais. Como meio para estratégia de planejamento de mídia, as plataformas de streaming nunca foram tão críticas, destaca estudo “O poder do contexto: a publicidade além dos dados”, realizado pela Rakuten Viki.

Em média, 71% dos espectadores globais compram ou compram ocasionalmente um produto ou serviço pesquisado após verem algum anúncio em serviços de streaming de vídeo. No Brasil, esse percentual chega a 81%. O estudo coletou a opinião de mais de 2.800 consumidores no mundo todo.

O streaming é preferência global para de 41% dos espectadores, quando comparado à TV tradicional. Essa predileção é ainda maior no Brasil, onde 56% dos que consomem conteúdo em vídeo acham melhor fazê-lo via internet e sob demanda.

O estudo lembra que a preferência por assistir a serviços de streaming em detrimento da TV tradicional faz surgir um novo comportamento de compra que exige novas ações das marcas.

Leia mais – IAB Brasil: publicidade digital salta 57% no primeiro semestre

“Para ter sucesso em ações de publicidade focada em VOD (Video On Demand), é necessário planejar uma publicidade que ressoe, colocando a marca no centro dos momentos em que o público está engajado”, afirma Luiz Tanisho, vice-presidente da Rakuten Advertising no Brasil.

“Além disso, toda e qualquer campanha que envolva o streaming precisa ser criada com uma visão omnichannel e de forma integrada a estratégias de mídia mais amplas. Por isso é tão importante que os planos de mídia direcionem o reconhecimento da marca da maior tela da casa para a palma da mão do espectador, e vice-versa”, complementa.

Entretanto, o streaming também abre espaço para uma atenção dividida. Mais de 80% dos entrevistados confirmam que, ao mesmo tempo em que assistem à TV conectada, estão navegando pela web de uma forma geral ou à procura de produtos específicos. Em média, 57% dos entrevistados afirmam usar o celular enquanto assistem a serviços de streaming. No Brasil, o percentual é de 59%.

“As estratégias de publicidade na TV conectada precisam levar em conta o poder do contexto. Isto porque os usuários de streaming de vídeo escolhem ativamente o que estão assistindo de acordo com algumas variáveis, a exemplo do seu próprio humor. Dessa forma, a colocação inteligente de anúncios em serviços de vídeo on demand melhora o contexto em que a propaganda é vista”, diz Tanisho, da Rakuten Advertising.

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.