Materiais para Download
Descubra a Rede IT Mídia
Conheça os Fóruns

Cloud e atuação consultiva são destaques da transformação digital

Por Déborah Oliveira

<<Esta é segunda parte da reportagem Especial Transformação Digital. Leia a primeira reportagem aqui>>

A nuvem ganhou papel relevante nos últimos meses e tornou-se a vedete das empresas durante a transformação digital imposta pela pandemia. Fernando Lemos, diretor de Tecnologia da Microsoft Brasil, disse que a nuvem teve papel fundamental nesse período em decorrência da sua escalabilidade, rapidez e facilidade de implementação. “Assim, as companhias tiveram agilidade na migração para as atividades retomadas, bem como redução de custos em um momento tão crucial para contenção de gastos.”

Lemos ressaltou que o processo de transformação digital atual é um caminho sem volta. Nesse contexto, companhias já começaram a estruturar novas implementações de tecnologias de análise de dados, inteligência artificial (AI) e internet das coisas (IoT) pensando no futuro e no ganho de eficiência.

Foi também a nuvem que permitiu um salto na telemedicina no Brasil. Consultas médicas passaram a utilizar cloud e AI para auxiliar na identificação de doenças e criou aplicativos para otimizar processos, e aumentar segurança e eficiência no tratamento de pacientes.

Ele citou ainda um exemplo dessa evolução. Trata-se do EPI Match, aplicativo desenvolvido pela Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), em parceria com a Microsoft e a Radix, que une de forma rápida e eficaz hospitais e empresas de saúde que necessitem de Equipamentos de Proteção Individual e seus respectivos fornecedores. Além disso, prosseguiu, a tecnologia tem aprimorado as análises genômicas e está auxiliando no avanço de pesquisas e testes, importantes para a a criação de vacinas, por exemplo.

“Todas essas mudanças são pautadas em nuvem e nos rápidos benefícios que ela traz para as companhias, bem como para o poder público. A expectativa é de que esses exemplos sejam cada vez mais frequentes nos anos que estão por vir”, comentou Lemos.

Atuação consultiva

Luis Gonçalves, líder da Dell Technologies para a América Latina, revelou que rapidamente os times da empresa se estruturaram para atender da melhor forma aos clientes, com perfil altamente consultivo. As equipes de vendas, serviços, cadeia de suprimentos e canais da Dell passaram a trabalhar de forma mais integrada para atender às necessidades críticas de negócios dos clientes. A preocupação também foi, segundo ele, de trazer ao Brasil soluções alinhadas às demandas do mercado e que pudessem acelerar a transformação digital.

“Implementamos ainda algumas inovações para melhor atender aos nossos clientes, como o atendimento pelo WhatsApp para o segmento de Clientes Finais e Pequenas Empresas, e mantivemos a operação da nossa fábrica de Hortolândia – adotando uma série de novos protocolos e medidas preventivas para garantir a saúde e o bem-estar dos colaboradores e parceiros – evitando interrupções nas entregas das nossas soluções.”

A SAP Brasil também indicou ter respondido rapidamente às mudanças no ambiente de negócios, adotando uma estratégia de vendas virtuais e implementação remota que tem sido fundamental para manter o atendimento dos clientes da empresa. “Já as companhias que contavam com um grau de maturidade que permitia a continuidade dos negócios, ainda que sofrendo os impactos da crise, aproveitaram o momento para antecipar alguns processos de modernização”, contou Rui Botelho, COO da SAP Brasil.

A Totvs já atuava com metodologias e times preparados para desenvolver soluções de forma rápida e ágil. Segundo Juliano Tubino, vice-presidente de negócios da Totvs, esse modelo de trabalho funcionou de forma positiva, mesmo com os colaboradores em suas casas. “Fizemos os nossos squads trabalharem de forma remota e cada gestor adotou metodologias para acompanhar a produtividade. Por fim, a liderança sênior aumentou a frequência de conversas com os demais líderes para manter a comunicação de maneira constante”, detalhou.

Os squads criaram produtos e soluções para integração do teleatendimento médico e de apps de delivery, antecipação de recebíveis, facilitadores de crédito, soluções que auxiliam o mercado hoteleiro a tornar seus quartos em leitos, sistemas que auxiliam na comunicação entre instituições de ensino e alunos e educação a distância.

Também atuando no modelo de squads está a Compasso UOL, o que facilitou o trabalho ágil na pandemia. “Além disso, um ponto importante foi estar estruturado em Deliveries Centers espalhados pelo Brasil e em convênios com reconhecidas instituições de ensino para formação de profissionais cada vez mais especializados”, comentou Cleyton Ferreira, CTO da empresa.