Materiais para Download
Descubra a Rede IT Mídia
Conheça os Fóruns

Casa das Correias ganha eficiência ao precificar milhares de itens

Varejista amazonense começa a substituir 15 mil etiquetas de papel em toda a rede

Por  Redação

13:30 - 18 de novembro de 2020
Compartilhar

A Casa das Correias é uma tradicional rede de materiais de construção com três unidades em Manaus, recorreu à Seal Sistemas para implementar a tecnologia de etiquetas eletrônicas, com display 100% digital.

O projeto foi iniciado em março de 2020, com a instalação de 3 mil etiquetas eletrônicas, 20% do total calculado para cobrir toda a unidade. Também foi implementada uma infraestrutura com quatro antenas de radiofrequência – cada uma delas com cobertura de 1.000 metros quadrados – além da programação dos dados exibidos nas etiquetas. Todo esse processo de implementação foi simples e ágil.

“As etiquetas eletrônicas funcionaram muito bem no nosso negócio pela facilidade de se precificar os produtos e por toda a agilidade e precisão com que a atualização dos preços nas gôndolas passou a ser feita. Tudo em tempo real e com um envolvimento mínimo de mão de obra”, afirma Bruno Oliveira, gerente de TI da Casa das Correias. “A solução ainda dá um visual mais moderno para a loja e ajuda a ampliar a visibilidade sobre cada produto.”

Leia também: Crescimento profissional aliado a boa cultura é receita da Adobe

Etiquetas de precificação digital

A diferença feita pelas etiquetas eletrônicas não demorou para ser percebida pela administração da Casa das Correias. Além da atualização de preços em tempo real, a tecnologia também permitiu transmitir ao consumidor, direto da gôndola, uma gama mais completa de informações. É possível, por exemplo, alterar os dados, o layout e a cor que aparece na tela da etiqueta – feita com um material chamado “e-paper”, o mesmo utilizado no Kindle, da Amazon – de acordo com descontos e promoções pontuais. Outros dados, como mais detalhes do produto e QR Codes, também podem ser exibidos no display.

A tecnologia ainda permite economizar o tempo e a dedicação da equipe. Com a substituição já realizada de 20% das etiquetas de papel, o processo de troca de preços foi reduzido de seis para até quatro horas. Além disso, um quarto dos funcionários antes designados para substituir os preços nas gôndolas se viram livres da tarefa. Agora, podem realizar atividades importantes, como reposição de estoque e inventário.

A substituição das etiquetas de papel restantes na matriz da Casa das Correias está prevista para ser concluída em breve. Também faz parte dos planos instalar as etiquetas eletrônicas nas outras duas unidades da rede na capital amazonense.

Load more