Web3: a próxima onda de adoção está chegando

Web3 é centrada no usuário, descentralizada, baseada em blockchain e contratos inteligentes, e oferece espaço seguro, privado e transparente

Author Photo
10:00 am - 16 de novembro de 2023
Web3

A World Wide Web, ou simplesmente Web, revolucionou a forma como interagimos com o mundo. Por meio dela, pudemos ter acesso ao ambiente digital de uma forma completamente diferente e já dependemos da internet tanto para trabalhar, quanto para pagar contas, estudar, interagir com outras pessoas e aproveitar momentos de lazer. Agora, estamos em uma nova fase que já está trazendo e deve continuar a causar transformações ainda mais profundas: a Web3.

Ela é frequentemente descrita como a próxima era da internet, e promete provocar mudanças significativas em como entendemos e nos relacionamos com a rede. A tecnologia é centrada no usuário, descentralizada, baseada em blockchain e contratos inteligentes, e oferece um espaço mais seguro, privado e transparente. Mas, o que torna a Web3 tão especial e por que ela está ganhando tanto destaque novamente?

Uma das maiores mudanças que ela trará é a propriedade e o controle dos dados. Atualmente, nossos dados pessoais são explorados por grandes corporações de tecnologia sem que de fato entendamos para que e como estão sendo utilizados. Na Web3, os usuários terão mais controle sobre suas próprias informações, decidindo o que compartilhar e como usá-las. Isso é uma virada de chave em termos de privacidade e segurança.

Outra característica notável da tecnologia é a descentralização. Enquanto a Web2 é dominada por gigantes da tecnologia, a Web3 busca dividir o poder e dar mais voz aos usuários. Os contratos inteligentes, que são baseados em códigos construídos em blockchains, permitem transações seguras e transparentes sem a necessidade de intermediários – o que pode revolucionar setores inteiros, desde finanças até entretenimento.

Seu potencial é tão grande que diversas empresas já estão se movimentando para ter iniciativas focadas na sua aplicação, como é o caso da Sony, que recentemente investiu R$ 15 milhões em uma startup que vai ajudar a estabelecer a infraestrutura necessária para dar apoio à adoção global da Web3. Já de acordo com um estudo da plataforma de monitoramento DappRadar, cerca de US$ 2,3 bilhões em investimentos foram destinados para projetos de jogos da Web3 em 2023.

Como a Web3 também está intimamente ligada a ativos digitais, como criptomoedas e tokens não fungíveis (NFTs), ela está impulsionando a inovação e a criatividade, criando formas de expressão e oportunidades econômicas.

À medida que a tecnologia ganha impulso, podemos observar um aumento no interesse das empresas, desenvolvedores e investidores. Além disso, diversas startups estão surgindo para explorar as possibilidades da Web3, o que influencia grandes organizações a se adaptarem para não serem ultrapassadas pela concorrência.

No entanto, alguns desafios fazem com que ela não tenha sido totalmente aderida ainda, como questões relacionadas a escalabilidade, interoperabilidade e regulamentação, que ainda precisam ser resolvidas. Essa transição completa da Web2 para a Web3 não acontecerá de forma repentina e será um processo gradual que exigirá esforços coordenados de todo o ecossistema digital.

Portanto, devido aos seus benefícios para a sociedade, a Web3 representa uma nova visão para a internet, na qual os usuários detêm mais controle e a confiança é incorporada na tecnologia, e não construída à parte dela. Com a segunda onda se aproximando, podemos esperar uma série de inovações e mudanças significativas em como interagimos online, que moldarão o futuro digital.

Siga o IT Forum no LinkedIn e fique por dentro de todas as notícias!

Newsletter de tecnologia para você

Os melhores conteúdos do IT Forum na sua caixa de entrada.